domingo, 11 de abril de 2010

REVOLUÇÃO INGLESA

  • Conceito – revolução liderada pela burguesia e pela gentry que lançou as bases para a consolidação de uma nova ordem política (monarquia parlamentarista) e econômica (desenvolvimento do capitalismo).


ANTECEDENTES


ABSOLUTISMO NA INGLATERRA

  • Guerra das Duas Rosas (1455-1485) – conflito entre os Lancaster e os York, duas famílias nobres que disputavam o trono inglês. A Guerra recebeu esse nome porque o brasão dos Lancaster tinha uma rosa vermelha e o dos York uma rosa branca. Henrique VII, que tinha parentesco com as duas famílias pacificou a Inglaterra e assumiu o trono, dando início à Dinastia Tudor.


  • Dinastia Tudor

Integrantes:

- Henrique VII (1485-1509);
- Henrique VIII (1509-1547);
- Eduardo VI (1547-1553);
- Maria I (1553-1558);
- Elisabete I (1558-1603).

Principais acontecimentos:

- A dinastia governou a Inglaterra de forma absoluta, mas manteve uma relação harmoniosa com o Parlamento, liderado pela gentry e pela burguesia;
- Henrique VIII rompeu com a Igreja Católica e criou a Igreja Anglicana, com ritual católico e doutrina calvinista (puritana);
- Maria I enfatizou a doutrina católica e perseguiu os calvinistas, que migraram para a América do Norte, dando início à expansão colonial inglesa;
- Elisabeth I enfatizou a doutrina calvinista e perseguiu os católicos, que também fundaram núcleos de povoamento na América do Norte;
- Com a morte de Elisabeth I, que não deixou sucessores, seu primo, Jaime I, rei da Escócia, assumiu o trono dando início à Dinastia Stuart.


  • Dinastia Stuart

Integrantes:


- Jaime I (1603-1625);
- Carlos I (1625-1649);
- Carlos II (1660-1685);
- Jaime II (1685-1688).

Principais acontecimentos:

-A dinastia era adepta da Teoria do Poder Divino dos Reis e acentuou o absolutismo na Inglaterra, entrando em choque com o Parlamento, dominado pela gentry e pela burguesia, que defendia a limitação do poder real;
- Jaime I, com o objetivo de atrair a nobreza, prezou mais a doutrina católica do que a calvinista na Igreja Anglicana. A burguesia fundou a Igreja Presbiteriana;
- Em 1628, durante o reinado de Carlos I, o Parlamento, visando limitar o poder real, determinou que o rei não poderia criar impostos, convocar o Exército e prender pessoas sem prévia autorização parlamentar. O rei fechou o Parlamento;
- Em 1640, Carlos I convocou o Parlamento para conseguir recursos para a guerra contra a Escócia. O Parlamento aproveitou para reduzir os poderes monárquicos, proibindo o rei de dissolvê-lo. Carlos I declarou guerra ao Parlamento dois anos depois.




PROCESSO REVOLUCIONÁRIO (1642-1689)

  • GUERRA CIVIL OU REVOLUÇÃO PURITANA (1642-1648)

- Foi travada entre as tropas do rei e as tropas do Parlamento, formadas pelas cabeças-redondas e organizadas por Oliver Cromwell (New Model Army);

- O rei recebeu o apoio da nobreza tradicional, anglicana e católica. O Parlamento recebeu o apoio da gentry, da burguesia, dos levellers e dos diggers, presbiterianos e puritanos;

- As tropas do Parlamento venceram, o rei Carlos I foi decapitado e Cromwell assumiu o poder, dando início ao Regime Republicano.


  • REGIME REPUBLICANO OU PROTETORADO (1649-1659)

- O Parlamento tornou-se unicameral, pois a Câmara dos Lordes foi extinta;
- Foi criada a Comunidade Britânica, constituída por Inglaterra, Irlanda, Escócia e País de Gales;
- Foi editado o Ato de Navegação, que estabeleceu que todas as mercadorias importadas e exportadas deveriam ser transportadas apenas por navios ingleses;
- Os Diggers e Levellers revoltaram-se contra o governo, mas foram controlados;
- Em 1653, Cromwell dissolveu o Parlamento e tornou-se Lorde Protetor, cargo vitalício e hereditário;
- Em 1658, após a morte de Cromwell, o governo foi ocupado por Ricardo Cromwell, seu filho, que foi deposto dois anos depois pelos contra-revolucionários, que proclamaram Carlos II, filho do rei decapitado, rei da Inglaterra, dando início à Restauração Monárquica.

  • RESTAURAÇÃO MONÁRQUICA (1660-1688)

- Carlos II governou sob o domínio político do Parlamento, novamente bicameral, dominado pelos nobres e católicos;
- Em 1685, com a morte de Carlos II, seu irmão Jaime II assumiu o trono e reestabeleceu o absolutismo;
- Em 1688, o Parlamento reagiu e organizou um golpe denominado Revolução Gloriosa.

  • REVOLUÇÃO GLORIOSA (1688-1689)

- Essa fase da revolução recebeu esse nome porque não houve derramamento de sangue. O Parlamento propôs que Guilherme de Orange, genro de Jaime II, assumisse o trono, desde que se comprometesse a respeitar o Parlamento;


- Guilherme assinou a Declaração de Direitos (Bill of Rights), que estabeleceu monarquia parlamentarista, e o Ato de Tolerância (Toleration Act), concedendo liberdade religiosa aos que praticassem religiões cristãs.





CONSEQUÊNCIAS DA REVOLUÇÃO

  • Fim do absolutismo na Inglaterra;
  • Desenvolvimento do capitalismo.


ATIVIDADE

1) Leia o documento a seguir e responda:

Declaração de Direitos

“Considerando que tendo Jaime II abdicado e estando o trono vacante, Sua Alteza, o Príncipe de Orange, ordenou a eleição de deputados para o Parlamento, estes agora reunidos como representantes totais e livres desta nação, declaram:
1 – Que o pretenso poder de suspender as leis, ou a execução das leis, pela autoridade régia, sem o consentimento do Parlamento, é ilegal [...]
4 – Que o direito de cobrar impostos para o uso da coroa, com o pretexto do privilégio, sem outorga do Parlamento, é ilegal.
5 - Que é direito dos súditos apelar para o Rei e que todos os obstáculos que lhe forem colocados é ilegal.
6 – Que o recrutamento e manutenção de um Exército, em tempo de paz, é ilegal sem o consentimento do Parlamento. [...]
8 – Que a eleição dos membros do Parlamento deve ser livre.
9 – Que a liberdade de palavra nos debates e atas do Parlamento não deve ser questionada em nenhuma corte ou lugar fora do Parlamento. Declaração de Direitos, 1689.” (Coletânea de Documentos históricos para o 2º grau. São Paulo: CENP/ SE-SP, 1980.)


a) Quem é o autor do documento?
b) Em que contexto ele foi redigido?
c) Caracterize a situação do Parlamento e a do rei da Inglaterra determinada por essa declaração.

6 comentários:

  1. Objetivo e de fácil compreensão,muito bom!!!

    ResponderExcluir
  2. muito obrigado , isso vai me ajudar na lição

    ResponderExcluir
  3. muito obrigado isso vai me ajudar no trabalho de historia

    ResponderExcluir
  4. Otimo! Obrigada e parabéns :)

    ResponderExcluir