domingo, 8 de agosto de 2010

O SOCIALISMO SEGUNDO ADOLF HITLER

O Partido Nazista incorporava o socialismo em seu nome, embora não possuísse mais que intenções racistas, baseadas na visão de Hitler acerca da história.
'Sou socialista, mas de um gênero de socialismo diferente. [...] A massa dos trabalhadores quer apenas pão e divertimento. Jamais compreenderão o sentido de um ideal, e não podemos ter a esperança de conquistá-los para uma causa.
O que temos de fazer é selecionar, numa nova categoria de senhores, homens que não se deixarão governar [...] pela moral da piedade. Aqueles que governam devem saber que têm o direito de governar porque pertencem a uma raça superior. Devem manter esse direito e consolidá-lo de maneira implacável. [...] Existe apenas uma espécie de revolução possível, e ela não é nem econômica, nem política, nem social, mas racial, e será sempre a mesma coisa: a luta entre as classes inferiores e as raças superiores que estão no poder. Se, algum dia, a raça superior esquecer essa lei, estaria acabada! Todas as revoluções – e eu as estudei com dedicação e cuidado – foram raciais [...]'

[FONTE: Diálogo entre Hitler e Otto Stresser, narrado por Otto Strasser. In: BURON, T; GAUCHO, P. Os fascismos. Rio de Janeiro: Zahar, 1980, p. 105-106.]

Nenhum comentário:

Postar um comentário